O direito ao delírio – Eduardo Galeano

Eduardo Hughes Galeano (Montevidéu, 3 de setembro de 1940 – Montevidéu, 13 de abril de 2015) foi um jornalista e escritor uruguaio. Autor de mais de quarenta livros, que já foram traduzidos em diversos idiomas. Suas obras transcendem gêneros ortodoxos, combinando ficção, jornalismo, análise política e História. 

Comentários

comentários

3 ideias sobre “O direito ao delírio – Eduardo Galeano

  1. Simone

    Sem palavras! Lindas palavras. Que bom poder desfrutar isso! Obrigada por compartilhar.

  2. Ana Maria Zago Basilio

    Que maravilha! Quanta profundidade, quantas verdades…

  3. Bernadete

    Que coisa mais linda! Muito obrigada por compartilhar a beleza, a força, a inocência, a introspecção da poesia do Eduardo Galeano conosco.

Comente